Memórias para o futuro

Quando se trabalha numa empresa que aposta na “multinacionalidade dos seus ativos humanos”, criam-se, quase inevitavelmente, amizades além-fronteiras.
Quando se trabalha numa empresa de tamanho médio-grande, conhecem-se todos de vista, cria-se empatia com bastantes, e geram-se laços de amizade com alguns. Uma pessoa que entra, sem a mínima dúvida, nesta última categoria é a minha amiga da Lituânia! Mais concretamente de Vilnius. Ela foi a primeira pessoa com quem falei quando lá entrei, a pessoa que mais vezes tive de repetir mentalmente o nome para não esquecer nem dizer mal, e a pessoa com quem criei uma Amizade com A grande. E sei que temos laços para a vida.
E, como sempre acontece entre amigas, fizémos imensos planos juntas. Alguns deles concretizámos, outros ainda estão em lista de espera. Como não: viagens! Ela já cá veio a minha casa, e já a levei por este Norte de Portugal afora, qual road trip caseira. E eu…ainda tenho pendente a viagem à Lituânia! Nem sempre é fácil conciliar agendas, mas um dia será.
E se me ficam no imaginário as paisagens verdejantes que ela me descreve, as saunas, os banhos na água gelada em pleno inverno (ui? a mim só me apanham lá no verão…), também me fica na memória as vezes em que ela, regressada da sua viagem a casa, desfilava sempre com um par de sapatos novos, recordando que lá a relação qualidade-preço é um milhão de vezes superior à de cá (leia-se Espanha, mas também podia ser Portugal). É claro que esta não é a grande motivação, mas certamente levarei espaço na bagagem para uns quantos pares, assim a uma escala que quase roça o contrabando.
E espero, mas espero mesmo, passar por este espaço durante a saga lituana pelos sapatos: chama-se Shoe Gallery, é dos Plazma Architecture Studio (agora que os conheço, creio que voltarei a falar deles por aqui).
portada_5_(Custom)
Até pode parecer uma loja relativamente “normal”, ou simples… Mas apresenta pormenores que, para mim, justificam a entrada neste espaço:
9_(Custom)
Gosto do pormenor do desenho gráfico do papel de fundo, criado especialmente para esta loja. Não só pelo toque de distinção e contemporaneidade dentro de um espaço elegante com toques clássicos, mas principalmente pelo valor que atribuo à mistura de vertentes do design no mesmo espaço (design de moda, design de interiores, design gráfico).
2_(Custom)
Gosto da iluminação. Gosto da forma como as luminárias se fundem nos elementos decorativos e são partes de este.
Richard Kelly definia a luz como ambient lighting, aquela que de modo global ilumina o espaço, focal lighting, a luz que destaca objetos, muito usada em iluminação de espaços comerciais, e play of brilliants: candeeiros, candelabros, elementos luminosos chamativos, a luz não-racional que joga com as emoções e a estética: a minha favorita!!
Este tema das emoções é comigo, mesmo quando em demasia…
…enfim…
…mas continuando:
4_(Custom)
Gosto dos pormenores dourados das estantes. Eu associo o dourado ao Barroco. às ornamentações, ao século XVII-XVIII…e gosto de pormenores simples, elegantes, despretensiosos…associados a estas cores!
3_(Custom)
6_(Custom)

 

 

Imagens

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s